Política

Secretário de Saúde de São Luís reclama do repasse de doses; Carlos Lula afirma que fala “não tem pé nem cabeça”

O secretário de Saúde de São Luís, Joel Nunes, deu uma entrevista à Tv Mirante na quarta-feira (16), que torna pública a “guerra” da vacina que está ocorrendo entre a Prefeitura e o Governo do Maranhão. Em sua fala o médico afirmou que “ontem já fizemos um pedido ao Governo do Estado para que sejam repassadas as vacinas que são destinadas ao município de São Luís, mas até o momento não tivemos resposta”. A Secretaria estadual de Saúde do Maranhão simplesmente ignorou a fala do titular da SEMUS.

Porém, o Blog Diego Emir entrou em contato com o secretário Carlos Lula que informou: “não tem pé nem cabeça… Não vou ficar brigando com o município. Entregamos todas as doses enviadas pelo Ministério da Saúde destinadas ao município de São Luís. Segundo dados do Ministério da Saúde, a prefeitura de São Luís recebeu 771.416 doses e aplicou 542.605 doses.”

Lula ainda completou: “Não tem cabimento essa reclamação aí… Isso não faz NENHUM sentido. Eles pegam vacina conosco até de madrugada”.

Um levantamento feito ao site do Ministério da Saúde aponta números diferentes. Informa que a Prefeitura de São Luís recebeu 750.254 doses e aplicou 556.041.

A Prefeitura de São Luís também apresenta números diferentes: o município recebeu 662.605 doses e aplicou 639.391 vacinas.

No site do Governo do Maranhão, outros números são apresentados: 771.416 doses recebidas e 536.361 doses aplicadas.

Com tantos números discrepantes, a “guerra” da vacina protagonizada entre a Prefeitura e o Governo deixa de fazer sentido para população, pois ao contrário do que estava sendo comentado inicialmente, a população não está sendo mais beneficiada, mas sim prejudicada como esse toma lá, dá cá.

Em São Luís, a Prefeitura está com nove pontos (4 drive-thrus e 5 pontos fixos) de vacinação e o Governo oferece três pontos fixos, sendo dois para públicos específicos e um para o público em geral.

Deixe uma resposta