Política

BOMBA EM VIANA – Diretora Priscila Barros é demitida do Hospital Regional, após denúncias do blog, por negar atendimento aos Vianenses que votaram no atual prefeito Carrinho Cidreira

O ex prefeito Magrado Barros, derrotado nas urnas, tenta transformar o hospital Antonio Haddad no caos da saúde que era em sua gestão Municipal. Resta saber se o secretário Carlos Lula irá permitir essas barbaridades. Vamos aos fatos…

Como noticiou o blog há umas semanas atrás, a diretora Priscila Barros, que vinha promovendo uma onda de demissões em todos os setores do hospital e colocando nos cargos profissionais sem mínimas condições técnicas de exercer tais serviços, o seu reinado durou pouco e chegou ao fim! Após uma série de denúncias de perseguições e maus tratos a funcionários, o secretário de saúde Carlos Lula pois um fim ao legado da enfermeira. Ela não conseguiu permanecer no cargo e o hospital agora está a deriva…

Há boatos de que braços da ex-diretora ainda continuam no hospital, a exemplo da auditora Maria Nadi da Costa Morais, que foi secretária de saúde em Paço do Lumiar, e que segundo a denunciante do próprio Município de Viana, responde a mais de 21 processos administrativos.  Segue os processos da auditora a que o blog teve as informações repassadas. Maria Nadi pode ser presa a qualquer momento por qualquer um dos processos que responde, nas esferas civil, criminal e Federal, que envolvem desvios de recursos públicos, peculato, improbidade administrativa, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Todos esses processos ela responde quando foi secretária de saúde do Município de Paço do Lumiar, onde a prefeita àquela época chegou a ser presa e usar tornozeleira eletrônica por inúmeros crimes cometidos em sua gestão.

Os outros pretendentes ao cargo de diretor, também ligados ao prefeito Magrado Barros, são Arlene Pereira Barros, sobrinha do ex prefeito derrotado, que já foi denunciada e responde também a processos de improbidade administrativa por desvios de cerca 400 mil reais em aluguel de impressoras, já informado também no blog do Minard, acusação essa feita pelo ex-procurador geral do Município Hilberth Carlos Pinheiro Lobo. Também corre o risco de ser presa e é investigada pela polícia federal por crimes de lavagem de dinheiro, corrupção ativa, improbidade administrativa, formação de quadrilha e desvios de recurso público.

O outro postulante ao cargo é o fisioterapeuta José Reinaldo dos Santos Cidreira, que foi coordenador da atenção básica na gestão do ex prefeito. Também responde a processos e segundo informações não é nada bem quisto pela população Vianense. Há outras informações sobre o dr. Reinaldo repassadas ao blog, que no momento, preferimos não contextualizar…

Ainda segundo a informante vianense da atual gestão municipal, que prefere não se identificar, ela vem tentando acesso ao hospital através de tentativas recorrentes de conversas com a direção geral, mas sem nenhum sucesso. O hospital Regional de Viana que inaugurou como sendo de referência, agora parece está sendo comandado por pessoas que pensam apenas politicamente e não no atendimento aos pacientes. É esperar pra ver quem será o próximo nomeado pois as denúncias são graves contra os atuais interessados no cargo. Vamos torcer para que tenha uma linha diferente da atual diretora, pois a população vem sofrendo com os desmandos promovidos pela articulação entre o ex prefeito derrotado Magrado Barros, que quer realocar seu povo dentro do hospital e promover o caos que era sua gestão no município de viana, e o secretário da casa civil Marcelo Tavares, que sonha em eleger sua mulher deputada estadual e ele ser indicado para o tribunal de contas. O blog está atento.

Veja em anexo os processos:

processos Maria Nadi da Costa Morais

Deixe uma resposta